Se você estava esperando pela oportunidade de pegar o Shiny Pikachu, chegou a hora de sair de casa para procurá-lo nas ruas da sua cidade. Depois de fazer sua estreia durante o evento Pikachu Outbreak, em Yokohama, Japão, na semana passada, o monstrinho agora pode ser pego em todo o mundo no Pokemon GO.

A primeira aparição do Shiny Pikachu fora do Japão foi relatada por um jogador em Saskatoon, no Canadá, nesta terça-feira, o que parece indicar que o lançamento mundial ocorreu quase imediatamente após o evento Outbreak ter terminado. Ele é o terceiro pokémon em versão “shiny” a aparecer no jogo.

Claro, não é só porque o Shiny Pikachu está andando por aí que você realmente encontrará um. Essas versões são bastante radas, tanto no Pokémon GO quanto nos jogos Pokémon tradicionais. Na verdade, pode ser mais fácil pegar Mewtwo do que um Shiny Pikachu.

Shiny Pikachu lançado globalmente Shiny Pikachu lançado globalmente alternative shiny pikachu sprites by tomiswiser d79fj0y

Infelizmente, muitos não estão satisfeitos com o anúncio da Niantic de que o Mewtwo logo começaria a aparecer em batalhas Raide exclusivas. Ou seja, ao contrário das raides convencionais, onde é só chegar e participar da batalha, o novo sistema exige que o jogador interessado receba um convite. Para receber esse convite ele precisa ter vencido uma raid no mesmo ginásio onde Mewtwo irá aparecer.

Com isso, a comunidade de jogadores no Reddit foi unânime ao protestar contra essa ideia da Niantic. “Isso é absolutamente ridículo e não faz sentido para mim”, disse um jogador irritado. “E se eu estiver viajando em um novo lugar onde eu não joguei antes? Eu não tenho permissão para fazer batalhas raide exclusivas porque sou novo? Niantic está dividindo sua base de jogadores mais do que nunca”.

Outros tiveram diferentes preocupações. “Estou mais preocupado com o aviso prévio de uma invasão em um determinado momento”, disse outro usuário. “Não importa o aviso prévio que você me desse, se a raide exclusiva estiver agendada durante o dia do meu trabalho, eu estou ferrado. Eu não posso e não vou cancelar o trabalho para fazer uma raide”.